Notícias Fecomercio

31 de janeiro de 2018

Especialistas discutem o uso da tecnologia no setor público


Debate do UM BRASIL fala da necessidade de o governo rever os processos que envolvem tecnologia com foco no usuário em vez do sistema

Os efeitos e os impactos da tecnologia no setor público são analisados na quinta aula do curso digital Desafios da Gestão Municipal no Brasil, produzido pelo UM BRASIL em parceria com a Escola de Artes, Ciências e Humanidades da Universidade de São Paulo (EACH-USP).

No encontro, mediado por Humberto Dantas, o consultor do setor público Roberto Agune diz que o surgimento da internet mudou a forma como governo e sociedade se relacionam, e que a nova tecnologia foi usada para a melhoria dos serviços e da relação com os cidadãos.

Apesar das mudanças, o especialista acredita que o Brasil não conseguiu avançar em duas importantes etapas: integração e participação. “Como o governo estava estruturado em outra era [a industrial], todo segmentado em secretarias e departamentos, e dividido, ele não consegue se integrar, não consegue enxergar o cidadão como um indivíduo”, afirma Agune.

O cofundador e diretor do Grupo Tellus, Germano Guimarães, também participou do debate. Na conversa, ele fala do desafio de ter novas metodologias para os gestores públicos darem respostas que atendam às necessidades cotidianas dos cidadãos. “Se o governo não consegue dar essa resposta, a gente começa a ter uma crise de representatividade”, alerta. Assista a entrevista completa aqui.

 

Voltar para Notícias